Central de Atendimento
(21) 3511.8181 \ 2529.2269

Alzheimer: diagnóstico precoce importa!

A Doença de Alzheimer, anda em foco depois de algumas descobertas importantes sobre a sua origem e diagnóstico. Cientistas do Reino Unido e da Bélgica acreditam ter compreendido depois de anos de pesquisas, como as células cerebrais morrem na doença de Alzheimer. Recentemente, medicamentos que eliminam a amiloide do cérebro foram desenvolvidos com sucesso, marcando os primeiros possíveis tratamentos para retardar a destruição das células cerebrais. O QUE HÁ DE MODERNO PARA O DIAGNÓSTICO DA DOENÇA No quesito diagnóstico, a medicina nuclear desempenha papel importante. O médico especialista em medicina nuclear , Dr. Rafael Tavares, explica como é o exame disponível na Clínica Villela Pedras. “O PET com beta amilóide para o diagnóstico da Doença de Alzheimer indica a presença de proteína amilóide no cérebro. Esta proteína, é um dos achados marco da Doença de Alzheimer. O exame tem indicações mais restritas e não é para ser utilizado em todos os casos e em todos os pacientes. A tecnologia pode ajudar em 3 situações: quando se tem comprometimento dos domínios cognitivos, como por exemplo, a memória, de causa inexplicada. Também pode fornecer informações úteis quando já existe uma suspeita clínica da doença de Alzheimer por critérios clínicos, mas existe indícios de outras doenças. Além de ser indicado nas apresentações atípicas de declínio cognitivo rápidas, em idade atípica, menor de 65 anos. Esses são os casos onde a presença do beta amiloide pode fazer a diferença no diagnóstico da Doença de Alzheimer”, afirma o médico.

A Doença de Alzheimer, anda em foco depois de algumas descobertas importantes sobre a sua origem e diagnóstico. Cientistas do Reino Unido e da Bélgica acreditam ter compreendido depois de anos de pesquisas, como as células cerebrais morrem na doença de Alzheimer. Recentemente, medicamentos que eliminam a amiloide do cérebro foram desenvolvidos com sucesso, marcando […]

As 10 dúvidas mais frequentes sobre ‘iodoterapia’

A Iodoterapia é um tratamento que se utiliza de iodo radioativo para tratar alguns tumores e doenças benignas da tireoide. Apesar de ser um tratamento que se utiliza de uma dose de radiação para obtenção de resultado, o médico especialista em Medicina Nuclear, Dr. Francisco Laia Franco explica que é uma terapia simples, sem grandes efeitos colaterais que pode proporcionar uma vida normal e saudável após a realização. Confira:

A Iodoterapia é um tratamento que se utiliza de iodo radioativo para tratar alguns tumores e doenças benignas da tireoide. Apesar de ser um tratamento que se utiliza de uma dose de radiação para obtenção de resultado, o médico especialista em Medicina Nuclear, Dr. Francisco Laia Franco explica que é uma terapia simples, sem grandes […]

Fui diagnosticada com câncer de mama. E agora?

Conheça os exames de medicina nuclear normalmente pedidos quando a doença é diagnosticada. Outubro é o mês destinado à campanha de conscientização do câncer de mama, um dos mais comuns nas mulheres brasileiras. Segundo a Sociedade Brasileira de Mastologia, o câncer de mama corresponde a 25% de todos os tipos de neoplasias diagnosticadas ao ano no país. Dado o laudo positivo para o câncer de mama, alguns exames podem ser solicitados pelo especialista, com a finalidade de rastrear e controlar a doença. Por isso, a Dra. Roberta Hespanhol, da Clínica Villela Pedras, respondeu a algumas dúvidas de nossos pacientes, confira: Como a Medicina Nuclear auxilia no acompanhamento das pacientes? Não apenas para o acompanhamento da resposta a tratamentos empregados na prática clínica, como quimioterapia, e suspeitas de recidiva do câncer, mas a Medicina Nuclear também está pronta para ajudar no estadiamento, principalmente nos casos mais avançados do câncer de mama. Hoje já é bem estabelecido e, inclusive, está dentro do rol da ANS, sendo assegurado pelos planos de saúde, os estudos de PET-CT (FDG-F18), com cobertura obrigatória nos casos de câncer de mama metastático. Na Medicina Nuclear convencional, temos os estudos cintilográficos, que são utilizados no estadiamento e acompanhamento dos pacientes com câncer de mama há mais de três décadas, sendo importantes para auxiliar no manejo terapêutico. A avaliação de metástases ósseas, pela cintilografia óssea e o acompanhamento da cardiotoxicidade de alguns quimioterápicos através da ventriculografia radioisotópica são exames usuais dos serviços de Medicina Nuclear. A Medicina Nuclear também tem participação nos atos operatórios, na marcação de lesões não palpáveis (ROLL) e na pesquisa do linfonodo axilar de drenagem do tumor (linfonodo sentinela), auxiliando na sala de cirurgia com a utilização do equipamento portátil de detecção, o Gamma-probe. Quais são os exames normalmente indicados quando a doença é confirmada e como esses exames auxiliam os médicos no mapeamento da doença? Dentro da Medicina Nuclear, como já mencionei acima, hoje temos não só a cintilografia óssea, mas também o PET-CT, que para tumores avançados, tornou-se uma ferramenta diagnóstica de extrema importância no cenário do estadiamento, pois, além de avaliar o corpo inteiro, anteriormente também feito pela cintilografia óssea, consegue analisar outros órgãos, como pulmão, fígado... e mostrar a abrangência da doença, ajudando o médico assistente a indicar o melhor tratamento a ser realizado para cada paciente. Qual a finalidade destes exames? Os exames de Medicina Nuclear são utilizados para o estadiamento, pois, sendo exames complementares, auxiliam na avaliação da extensão locorregional do câncer e da presença ou não de metástases em órgãos distantes do sítio primário, neste caso, a mama, e também no acompanhamento, tanto para avaliar a resposta ao tratamento que está sendo realizado e se o mesmo está sendo ou não eficaz, como para avaliar a recidiva da doença. Qual é a maior evolução da medicina nuclear em prol do câncer de mama? Atualmente, o PET-CT tem sido o exame com maior desempenho nos casos de câncer de mama avançado, e hoje temos disponível não apenas o PET-CT com o radiotraçador FDG-F18. Mais recentemente, nos últimos cinco anos, foi desenvolvido o PET-CT com FES, que é o flúor-estradiol, análogo ao hormônio feminino estradiol. Esse traçador é injetado para rastrear lesões que expressam receptores de estrógenos, e já é comercializado no Brasil. Portanto, vemos que a busca da Medicina Nuclear em proporcionar o melhor diagnóstico tem sido constante, e nós, da Medicina Nuclear Villela Pedras, temos orgulho de fazer parte disso. As chances de cura! Há vários tipos de câncer de mama, alguns com um desenvolvimento lento, outros mais rápidos. Segundo o Instituto Nacional de Câncer, um em cada três casos de câncer pode ser curado se for descoberto logo no início, inclusive o de mama. Com base nesse dado, qual é o seu conselho para as mulheres neste Outubro Rosa? Não deixem de fazer os exames de rotina anualmente, e não esqueçam da autopalpação! Fiquem atentas a qualquer alteração suspeita nas mamas, pois quem melhor conhece seu corpo é você mesma, e detectar o câncer de mama em fases iniciais aumenta muito as chances de tratamento e cura.

Conheça os exames de medicina nuclear normalmente pedidos quando a doença é diagnosticada. Outubro é o mês destinado à campanha de conscientização do câncer de mama, um dos mais comuns nas mulheres brasileiras. Segundo a Sociedade Brasileira de Mastologia, o câncer de mama corresponde a 25% de todos os tipos de neoplasias diagnosticadas ao ano […]

Exame de alta complexidade chega para pacientes do SUS

O Super Centro Carioca de Saúde, em Benfica, na Zona Norte do Rio, considerado o mais moderno complexo de uma rede pública na América Latina, trouxe novidades para os cariocas. Agora oferece, através da Clínica Villela Pedras, exames de cintilografia e o primeiro PET Scan da rede municipal do Rio. O PET/ CT é um exame de imagem oncológico com alto nível de detalhamento, feito em uma máquina que alia as técnicas de Tomografia Computadorizada (CT) e Tomografia por Emissão de Pósitrons (PET). O exame é altamente eficiente na detecção de tumores em qualquer parte do corpo. Inaugurado em outubro do ano passado, o Super Centro Carioca de Saúde é uma adição à rede municipal de saúde do Rio de Janeiro, com capacidade para 113 mil exames, consultas e procedimentos por mês, pelo Sistema Único de Saúde (SUS), em local moderno, com tecnologia de ponta . Para acessar os serviços é necessário que haja encaminhamento realizado pelas equipes das clínicas da família ou centros municipais de saúde. Super Centro Carioca de Saúde Horário Funcionamento: De seg a sex, das 7h às 22h, e aos sábados, das 8h às 17h. Rua General Gustavo Cordeiro de Farias, 545 – Benfica

O Super Centro Carioca de Saúde, em Benfica, na Zona Norte do Rio, considerado
o mais moderno complexo de uma rede pública na América Latina, trouxe novidades para os cariocas. Agora oferece, através da Clínica Villela Pedras, exames de cintilografia e o primeiro PET Scan da rede municipal do Rio.

O PET/ CT é um exame de imagem oncológico com alto nível de detalhamento, feito em uma máquina que alia as técnicas de Tomografia Computadorizada (CT) e Tomografia por Emissão de Pósitrons (PET). O exame é altamente eficiente na detecção de tumores em qualquer parte do corpo.

Inaugurado em outubro do ano passado, o Super Centro Carioca de Saúde é uma adição à rede municipal de saúde do Rio de Janeiro, com capacidade para 113 mil exames, consultas e procedimentos por mês, pelo Sistema Único de Saúde (SUS), em local moderno, com tecnologia de ponta .

Para acessar os serviços é necessário que haja encaminhamento realizado pelas equipes das clínicas da família ou centros municipais de saúde.

Super Centro Carioca de Saúde

Horário Funcionamento: De seg a sex, das 7h às 22h, e aos sábados, das 8h às 17h.
Rua General Gustavo Cordeiro de Farias, 545 – Benfica

Equipe com a saúde em dia!

No último domingo (24/09), a Clínica Villela Pedras promoveu a participação de seus colaboradores no Circuito das Estações 2023, com o objetivo de incentivar a saúde e o bem-estar. Praticar exercícios físicos regularmente acarreta diversos benefícios físicos e mentais para o corpo humano, como perda de peso, melhora do humor, aumento dos níveis de energia Por isso, o incentivo à atividade física, encoraja os colaboradores a adotarem hábitos saudáveis, que beneficiam não somente a vida profissional, como também a pessoal. O evento proporcionou a oportunidade de fortalecer a proximidade e a interação entre as equipes e unidades. Essa foi a primeira vez que a Villela Pedras organizou a participação dos colaboradores nessa corrida. Temos certeza de que muitas outras virão!

No último domingo (24/09), a Clínica Villela Pedras promoveu a participação de seus colaboradores no Circuito das Estações 2023, com o objetivo de incentivar a saúde e o bem-estar. Praticar exercícios físicos regularmente acarreta diversos benefícios físicos e mentais para o corpo humano, como perda de peso, melhora do humor, aumento dos níveis de energia […]

61ª edição do Congresso Científico do Hospital Universitário Pedro Ernesto

Recentemente, a Clínica Villela Pedras participou da 61ª edição do Congresso Científico do Hospital Universitário Pedro Ernesto (HUPE/UERJ). A instituição é um dos principais polos de pesquisa, qualificação profissional e assistência à saúde da população do estado do Rio de Janeiro.

O evento teve como tema central “Oncologia – Um olhar para o futuro”, e os médicos da clínica Villela Pedras participaram de duas plenárias: o Dr. Paulo Gustavo Lacerda conduziu a palestra com o tema “PET-CT FDG-F18 nos tumores uroteliais. Já o Dr. Rafael Menezes Tavares, falou sobre “Novos traçadores em tomografia por emissão de pósitrons – PET-CT”.

Saiba como os avanços da medicina nuclear podem ajudar os pacientes com câncer

medicina nuclear - cancer- tratamento - villela pedras

O Instituto Nacional do Câncer publicou recentemente um novo levantamento de estimativas de novos casos de câncer no Brasil. O estudo mostrou que serão descobertos 704 mil novos casos entre os brasileiros para cada triênio 2023-2025. Deste número, 70% da incidência será concentrada nas regiões Sul e Sudeste do país. O câncer, assim como outras […]

CARREGANDO EXAMES...